terça-feira, 4 de setembro de 2012

Google mostra todo o processo por trás dos envios de e-mail



Quando você clica no botão enviar em seu e-mail e em poucos instantes a mensagem completa chega ao destinatário é difícil imaginar que esses segundos representam um percurso enorme. O Google criou um infográfico que mostra todos os detalhes do caminho percorrido pelas mensagens eletrônicas até que cheguem ao seu destino final.

                                     

O processo começa no computador do remetente. Após a mensagem deixar o servidor pessoal de internet ela é encaminhada ao centro de dados mais próximo, neste caso ela é levada até uma das centrais do Google. Aí entram os sistemas de segurança, que a empresa precisa aplicar para que os dados não sejam perdidos ou acessados por outras pessoas.

A preocupação com os impactos ambientais gerados por este processo fez com que o Google optasse por personalizar os centros de dados de maneira a torná-los mais eficientes energeticamente. Para isso, eles contam com uma certificação externa que garante que todas as normas de cuidado com a natureza sejam aplicadas adequadamente.

Um dos diferenciais aplicados pela empresa norte-americana é em relação ao sistema de aquecimento. Os pisos e os servidores das centrais de dados são mantidos sempre a 26ºC. Isso significa que os gastos com ar-condicionado são reduzidos e os trabalhadores ainda podem usar shorts para trabalhar.

Após as mensagens chegarem às centrais do Google elas são introduzidas nos servidores da empresa. A grande capacidade de armazenamento dessas tecnologias permite um aproveitamento maior, ou seja, é possível arquivar mais material em menos “nuvens”. Dessa forma são feitas mais pesquisas, gastando menos energia. A eficiência é tão alta que os gastos são reduzidos em 50%.

Em termos de funcionamento e facilidades direcionadas aos usuários, o Google também busca se destacar. Para isso os servidores trabalham em conjunto para processar todos os dados, incluindo a duplicação de mensagens para a criação de backups, varreduras em busca de vírus e filtragem de spam. Para resfriar os equipamentos responsáveis por todas essas funções, a companhia aproveita as condições naturais dos ambientes que rodeiam as centrais e são aplicados sistemas para que eles sejam 93% mais eficientes.

Além de todas essas preocupações com a economia de energia, o Google também preza pelo uso da eletricidade proveniente de fontes alternativas. Para tanto, a empresa patrocina projetos eólicos e ainda investe em outros modelos renováveis, com o intuito de reduzir o impacto sobre as mudanças climáticas.

A partir daí, a mensagem faz o processo inverso e somente depois de todo este trajeto o simples e-mail chega à caixa de entrada do receptor.

Fonte: Ciclo Vivo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Há 07 anos, o melhor!