segunda-feira, 11 de junho de 2018

Inscrições abertas para a 1ª Copa Nas Manhas de Futebol Digital em Feira de Santana




Feira de Santana sedia a 1ª Copa Nas Manhas de Futebol Digital, no próximo dia 1º de julho, domingo, a partir das 09 horas, na Cúpula do Som em Feira de Santana. As  inscrições estão abertas até o próximo dia 23 de junho, às 20 horas e  já podem ser realizadas pelo site https://nasmanhas.com.br/futeboldigital/, ao valor de R$ 15,00 (quinze reais), que serão revertidos em premiações e nos custos logísticos do evento.  

Jogadores do interior baiano já estão confirmando suas presenças e estarão reunidos junto  aos torcedores e apreciadores, vivendo o clima de competição, diversão além das emoções deste esporte que é paixão nacional nos campos e nas telas do mundo inteiro.

Para o coordenador do evento, Marcone Reis, este é um momento muito importante, já que, o  esporte fomenta o espírito competitivo e recreativo, muitas pessoas jogam futebol digital, seja PES ou FIFA, eventos assim,  além  proporcionar o reencontro de amigos, a formação de novas amizades, trazem momentos de muita diversão, para quem joga e também para quem assiste. 

Sobre o Futebol Digital:

O Futebol Digital é uma modalidade de game que pode ser encontrado em consoles, mobile, PC. Os consoles têm um ciclo de vida longo no Brasil, modelos antigos ainda estão presentes no topo da lista, enquanto os modelos novos conquistam espaço aos poucos ao longo dos anos.

O videogame mais presente na casa dos respondentes é o Xbox 360, com 32% de presença na casa dos jogadores brasileiros que possuem algum console, seguido pelo PlayStation 3, com 25,6%. O Playstation 2 ainda é bastante presente na casa dos entrevistados, com 23,4% das respostas. Existem diversas comunidades de jogadores (e espectadores) que assistem e participam das transmissões de futebol digital através, principalmente, de mídias digitais.

É interessante observar que gamers brasileiros não conheçam times de eSports do próprio país. Dentre os espectadores de eSports, 40,1% dos respondentes dizem desconhecer equipes nacionais. Isso pode significar que o setor brasileiro ainda está em processo de crescimento, com formação de times nacionais, patrocínios, mídia, arenas e espectadores ainda se organizando localmente. Pesquisa realizada pela ESPM 2018.

Sobre a Cúpula do Som

A Cúpula do Som é um  espaço de eventos que abriga propostas culturais e  apresentações de variadas modalidades artísticas. Um Studio Bar que envolve arte  de forma ampla, oferecendo: uma moderna estrutura com telões para projeção em tempo real, sistema de sonorização digital e iluminação, além de música, alimentação e bebidas de bom gosto com uma carta de cervejas especiais num ambiente aconchegante. 

Serviço:

O Que: 1ª Copa Nas Manhas de Futebol Digital (PES-FIFA)
Quando: 01 de julho de 2018 (Domingo)
Onde: Cúpula do Som - Rua Domingos Barbosa de Araújo, 750, Kalilândia - Feira de Santana.
Inscrições: https://nasmanhas.com.br/futeboldigital - Até 23 de junho de 2018 (20h)
Quanto: 15,00 (Valor da Inscrição)
Coordenação: Marcone Reis - (75) 9 8229-0686 (Claro Whatsapp)

Mais informações e marcação de entrevistas:
Assessoria de Comunicação: (75) 9 9132-2575 | TIM / Whatsapp - (Emerson Azevedo) 

Por Emerson Azevedo
Fonte: Pautart - Assessoria de Comunicação e Entretenimento


quarta-feira, 24 de agosto de 2016

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Comunidade do Google AdWords oferece treinamento gratuito. Aproveite!

comunidade brasileira do Google AdWords oferece semanalmente treinamentos gratuitas pela Internet. Você também pode acessar as inúmeras transmissões já gravadas. A lista está dividida por assuntos básicos, intermediários, avançados e datas especiais, basta clicar em uma das opções para assistir o vídeo.

Caso você nunca tenha pensando em anunciar no Google ou se pretende ampliar seu conhecimento não perca esta oportunidade. O Google AdWords associa sua publicidade com o que o potencial cliente procura. Usar o Google AdWords significa que o seu produto ou serviço terá uma chance maior de aparecer nos resultados das buscas feitas pelo seu futuro cliente.

sábado, 27 de setembro de 2014

Comunicação: TV e rádio enfrentam novos e velhos desafios

Helena Martins – Repórter da Agência Brasil Edição: Lílian Beraldo
A radiodifusão é um serviço público e deve ter finalidade educativa e culturalMarcello Casal Jr./Agência Brasil
Tudo o que chega ao espectador por meio do rádio ou da televisão tem que passar pelo espectro eletromagnético, conjunto de ondas eletromagnéticas de diferentes frequências. O espectro é como uma estrada por onde trafegam carros. Assim como a estrada, esse espaço é limitado. Para utilizá-lo, é preciso obter uma concessão pública dada pelo Estado. Por isso, a transmissão de sons ou de sons e imagens, a radiodifusão, é um serviço público, de interesse nacional e deve ter finalidade educativa e cultural, de acordo com o que estabelece o Ministério das Comunicações.

Em todo o mundo, a forma de prestação desse serviço é bastante distinta. Na Inglaterra, por exemplo, o Estado tomou para si esse papel, por isso, desenvolveu um sistema público de comunicação forte, que tem na BBC o seu maior exemplo. No Brasil, o modelo adotado foi o comercial, mantendo-se, paralelamente, o controle das outorgas centralizado no Poder Executivo.

Assim, as maiores empresas de radiodifusão do país são privadas. Especialistas em comunicação defendem que, ao longo da história, essas empresas buscaram manter relações próximas com os governantes no poder que, muitas vezes, também se beneficiaram explorando ou distribuindo concessões e angariando força política.

O professor da Universidade de Brasília (UnB) Murilo Ramos explica que essa organização beneficiou as empresas comerciais. “Você tinha um enorme sistema de empresas trabalhando com comunicação, opinião pública, jornalismo, completamente livre de qualquer legislação atualizada e de qualquer possibilidade de o Estado agir e regulamentar esse sistema”, destaca.

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Fernanda Lima deixa recado aos fãs, ouvintes e rádios sobre o programa Classe A.


A jornalista Fernanda Lima anunciou no grupo do Programa Classe A no facebook que a partir de março não estará mais à frente do programa que comandou por quase 8 anos, leia as mensagens abaixo, reproduzidas na integra e entenda.  



“Recado aos ouvintes do programa "Classe A":

03 de fevereiro 2014.

À partir de março, não estarei mais a frente do programa. Não houve acordo com a produtora responsável que distribui o Classe A para as rádios e continuar produzindo o programa por isso desde já, quero agradecer aos meus queridos ouvintes e aos quase 8 anos que tive a companhia e audiência de vocês.

Muito obrigado por tudo e a cada um que me ajudou a fazer o Classe A. Que possamos seguir em frente na caminhada!”

Fernanda Lima.
“Olá pessoal, ouvintes e amigos. 

24 de fevereiro

Na última semana, encerrei a minha apresentação a frente do programa "Classe A" após 8 anos. Como expliquei em outro tópico, não houve acordo com a produtora responsável pelo programa para continuar. Por conta disso, tenho recebido inúmeras mensagens de ouvintes e rádios transmissoras sobre a continuidade do mesmo.

Pois bem, estou cadastrando as emissoras que tenham interesse em continuar a transmitir o "Classe A" de forma independente. Dependendo do número de rádios, estamos com planos de fazer algo específico para estas emissoras mas para isso isso, preciso de um número mínimo de interessados.

As emissoras que tenham interesse, podem me mandar contatos inbox ou via email para: contato@eccovoz.com

Fico no aguardo do contato de todos!

Lembrando que também podem fazer contato pela página profissional: https://www.facebook.com/pages/Fernanda-Lima/256744597791291

Fernanda Lima. 

Há 07 anos, o melhor!